Sexta-feira, 27 de Maio de 2005

Etapas da vida



Olho para ti, tão pequenina. Frágil.
O teu sorriso, é algo maravilhoso.
Desperta em mim, tudo aquilo que tenho de bom, tudo aquilo que só uma mãe sente.
Tenho de ir aquecer o teu leite. Está na tua hora, e tens sempre fome...

Ouço o teu balbuciar, as primeiras palavras. Delicio-me com tudo o que fazes.
Vejo-te andar, ainda cambaleante, tentando alcançar o mundo.
O teu mundo, que está ali, num raio de dois metros.
És persistente, vais conseguir....conseguiste!!

Agora vejo-te correr.
Estás mais crescida. És tão bonita.
Cantas tão bem...
Um dia hás-de ser cantora - penso eu.
Conversas comigo, quase como um adulto. Sabes tão bem expressar aquilo que sentes, e queres...

Eu não disse? Aí estás tu, em palco a cantar!
Eu sabia que irias ser cantora. E que bem cantas, minha filha...
Delicio-me a ouvir-te. Os teus cd's, tocam sem me cansar, todos os dias.





Recorto das revistas e jornais, qualquer artigo que te faça referência.
Um dia, quando fores mais velha, vais gostar de ver. Vais gostar de saber que eu, te acompanhei na vida, em tudo aquilo que quiseste ser, e fazer.

Os teus estudos, correm bem, mas tu queres mais. Queres trabalhar, ganhar o teu próprio dinheiro. Não sou eu quem vai impedir-te. Vai! Voa!! Se achas que consegues fazer as duas coisas, estou aqui, apenas para te apoiar.

Ouço uma voz, que me acorda:

- Mãe! Ajuda-me aqui!! Não sei trabalhar com a minha máquina de lavar roupa!
- Mãe! Fazes-me aquele frango para o jantar? Não sei fazê-lo como tu...
- Mãe, achas que este sofá cabe na minha sala?

Adormeci, no sofá da sala, na tua casa. Na tua primeira casa!
Os anos passam, alcançaste mais uma meta. Mais uma etapa, vencida.
Sempre foste persistente....conseguiste!
Parabéns!
Sê feliz, muito, muito feliz!

E a propósito, já te disse que adoro a tua casa?

publicado por tia rute às 06:10
link do post | comentar | favorito
9 comentários:
De Rita a 9 de Abril de 2007 às 20:58
Ai mummy,nunca tinha visto!Estou de lágrimas nos olhos...isso nao se faz!Sabes como eu sou :)
Só quero dizer-te que adorei as tuas palavras e que me tocaram muito.
Aquilo que sou é graças a vocês que sempre me educaram da melhor maneira!E tenho que te agracecer tudo aquilo que fizeste por mim até hoje,e que continuas a fazer:)
Adoro-te muito!!!!
Beijinhos grandes!

P.S-Não sei se vais ler isto ou nao mas em todo o caso aqui fica o meu "testemunho" para a melhor mae do mundo!!!!


De liny a 4 de Junho de 2005 às 12:04
Lindo,lindo! Que ternura. E a tua filha é muito bonita,muito mesmo, Parabens.


De antnio a 27 de Maio de 2005 às 21:41
Lindo!Comentários para quê!....Soberbo


De margarida_rr a 27 de Maio de 2005 às 16:30
Obrigada a todos. As vossas palavras, são lindas, também.É isto o que uma mãe sente, quando um filho sai de casa. Um misto de alegria, por saber que está feliz, e encaminhado, mas por outro lado, um misto de tristeza. Entrar agora, no quarto dela, olhar algumas fotos que ainda não levou, levou-me a repensar todo o seu percurso de vida. Felizmente, um percurso que desejo a todas as crianças do mundo! Carlita, eu sei, que ela é como é, porque conseguimos que fosse uma excelente pessoa, mas poderiamos não ter tido essa sorte...não é mesmo!! Beijo gordo a todos :O))


De Carla a 27 de Maio de 2005 às 16:01
Ai amiga, até fiquei de lágrimas nos olhos :)) Que esta nova etapa da Rita seja coroada de êxito e felicidade, como tem sido a vida dela até aqui. Tens uma filha linda, sim! Desejo-lhe o melhor do mundo nesta sua nova vida a dois :)) E claro que lhe vais ensinar todos os teus truques culinários :) O mundo pula e avança... e sei que estás orgulhosa! És também responsável pelo belo carácter da tua filha e pela personalidade que ela tem. Parabéns a todos aí em casa por serem a família que são! Beijo enorme, enorme! :))


De Neco a 27 de Maio de 2005 às 13:16
Mãe é sempre mãe, sente como ninguém...Parabéns pelo excelente texto onde o teu amor pelos teus está bem patente!Gostei...bjs


De patupi a 27 de Maio de 2005 às 09:50
Quem sai aos seus não degenera, madrecita! Está uma ternura, este texto! :-) Um beijo muito doce para ti!


De Sandra a 27 de Maio de 2005 às 07:24
Adorei o texto.


De Pharaoh a 27 de Maio de 2005 às 07:23
ehjehjehj, que carinho colocas nessas palavras de ternura para a tua sempre pequenina,,,,desejos de muitas felicidades para ti e para os teus,,,e que nunca abandones o carinho e a ternura que te fazem ser apenas mãe,,,, ka giro loirinha,,,, um * do tamanho do teu coração de mãe,,,,,gandeeeeeeeeeeeeee


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. Eu

. Desejo...

. Nas asas do vento

. A moment like this

. Eva

. Como num filme...

. Contagem Crescente II

. Ausência

. Em silêncio

. Um novo ciclo

.arquivos

. Maio 2010

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Fevereiro 2007

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Junho 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds