Domingo, 17 de Abril de 2005

Tempestade

A chuva caía copiosamente lá fora. O ribombar dos trovões, apavoravam-na. O seu quarto, iluminava-se de minuto a minuto, sempre que o relâmpago surgia.

Aninhada na sua cama, sem conseguir emitir um só som que fosse, com os nervos à flor da pele, ela nada mais fazia...apenas esperava.

Detestava estar assim, sozinha, em noites como esta. Desde criança que assim era.

Tentou ler, não conseguiu. Ligou o rádio, mas não suportou a musica. Não suportava nada.

Nesse instante, a porta do seu quarto abriu-se. Uma luz imensa, jorrou através dela.
O seu sol, veio fazer-lhe companhia.

Todo o seu corpo se acalmou. Os seus sentidos, principiaram a adormecer.
Finalmente o seu porto seguro.
Aconchegou-se debaixo do edredon, respirou fundo, e adormeceu tranquilamente.

Lá fora a chuva caía copiosamente, o ribombar dos trovões continuava. Mas cada vez que o seu quarto se iluminava, apenas se distinguiam as duas silhuetas. Ternamente abraçadas.

publicado por tia rute às 01:25
link do post | comentar | favorito
5 comentários:
De Dali a 18 de Abril de 2005 às 11:31
É bom ter um porto de abrigo. Lá isso é. 1 abraço, pintora escritora


De stela a 18 de Abril de 2005 às 00:53
Ui abuela, há muito que o meu sol não me vem visitar... Será por isso q durmo tão pouco?


De patupi a 17 de Abril de 2005 às 15:55
:-)) Beijo enorme, madrecita!


De Ju a 17 de Abril de 2005 às 15:34
Escreves de uma maneira que me agrada :-)) Ai esse Sol! É que o outro chega a todo lado (Ju pisca o olho)! Beijinho para ti.


De Carla a 17 de Abril de 2005 às 01:55
Ai que me arrepiaste... Sabes o quanto me tocam estas coisas... e tu falas e proclamas o amor de uma forma linda... Adoro-te! Beijo enorme, amiga querida. Obrigada por tudo, por seres quem és, por seres minha amiga e por te teres cruzado na minha vida e não teres saído dela.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. Eu

. Desejo...

. Nas asas do vento

. A moment like this

. Eva

. Como num filme...

. Contagem Crescente II

. Ausência

. Em silêncio

. Um novo ciclo

.arquivos

. Maio 2010

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Fevereiro 2007

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Junho 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds